Pastor Roraimense é empossado para União de Ministros das Assembleias de Deus do Norte

Pr. Isamar Ramalho recebendo oração

No dia 17 de maio, a Igreja Assembleia de Deus no Estado de Roraima em sua Sede Estadual, presidida pelo Pr. Isamar Pessoa Ramalho, recebeu os pastores da Região Norte, para sua plenária ordinária e posse da nova diretoria para o período de 2016 – 2018.

Compareceram na plenária o Pr. LUIZ CÉZAR MARIANO – Presidente do Conselho Fiscal da CGADB, (Estado do Rio de Janeiro), e os Pastores Presidentes de Convenções da Região Norte do Brasil: Pr. PEDRO ABREU DE LIMA (Presidente da CEIMADAC – Estado do Acre); Pr. LUCIFRANCIS BARBOSA TAVARES (Presidente da CEMEADAP – Estado do Amapá); Pr. NELSON LUCHTEMBERG (Presidente da CEMADERON – Estado de Rondônia); Pr. JÔNATAS CÂMARA (Presidente da CEADAM – Estado do Amazonas); Pr. GEDEÃO GRANJEIRO F. DE MENEZES (Presidente da CEADTAM – Estado do Amazonas); Pr. RAIMUNDO CARLOS SOARES (Secretário da CIMADB – Estado do Pará, neste ato representando o Pr. Samuel Câmara); Pr. NIVALDO DOS ANJOS SILVA (Vice-Presidente da COMIADEPA – Estado do Pará).

A União de Ministros das Assembleias de Deus do Norte – UMADNORTE é um Conselho Regional do Norte, constituído por um membro de cada Convenção Regional de cada Estado da região, indicados pelas mesmas, o qual se reúnem após a Assembleia Geral Ordinária (AGO) da CGADB a fim de escolherem e dar posse a diretoria, onde atual diretoria está constituída pelo Pr. ISAMAR PESSOA RAMALHO – PRESIDENTE; Pr. LUCIFRANCIS BARBOSA – SECRETÁRIO; Pr. GEDEÃO GRANJEIRO F. DE MENEZES – TESOUREIRO, e os demais membros atuaram como vogais.

O conselho tem por finalidade trabalhar na promoção da paz e da harmonia entre as Igrejas e obreiros da região, é um braço da CGADB na região para apreciar os casos enviados pela Mesa Diretora, emitindo parecer, ainda visa encaminhar à Mesa Diretora relatório anual das atividades na região, quando necessário, tem poderes para acionar os demais Conselhos Regionais e a Comissão Jurídica através da Mesa Diretora, nos processos litigiosos, sendo o setor responsável pela análise criteriosa, encaminhar à Mesa Diretora, o parecer para a criação ou não de uma nova Convenção Regional.

A escolha do presidente, segue um modelo de rodízio, ou seja, mediante indicação e consenso entre os membros das convenções regionais para o mandato de igual período ao da diretoria da CGADB.

O grande desafio da igreja da região norte, bem como as demais regiões do Brasil, é a evangelização. É bem verdade que temos algumas peculiaridades regionais, tais como: trabalho com povos indígenas e com os ribeirinhos.

Todavia, ressaltamos que o maior desafio ainda persiste nas cidades, considerando a migração em massa das regiões agrícolas para o centro urbanos e a falta de infraestrutura, de logística e muitas vezes de pessoas qualificadas para lidar ante aos novos problemas sociais, os quais tem dificultado a evangelização. Porém, a igreja do Norte é uma igreja forte e cada dia tem vencido os obstáculos e assim continua evoluindo na pregação do evangelho da salvação.

Com o desejo de melhorar ainda mais o trabalho na região, o presidente atual, elaborará um plano de ação conjunta com todos os pastores das regionais, sendo estabelecido a realização da primeira reunião da UMADNORTE no dia 8 de agosto na cidade de Belém/PA, na igreja que está sob a liderança do Pastor Gilberto Marques – presidente da COMIEADEPA.

Pr. Isamar assumido a UMADNORTE

Para o Pastor Isamar Ramalho, que recebeu com imensa satisfação a indicação de seu nome pelos pastores da região Norte para presidir a UMADNORTE e ciente das responsabilidades que tem e que buscará a unanimidade entre os líderes para promover a paz e a unidade da igreja na região, tendo em vista que Deus escolheu o Norte para
iniciar a história da Assembleia de Deus no Brasil, transformando-a na maior igreja evangélica do mundo, destacou:
“tenho certeza que juntos poderemos sim, ajudar no desenvolvimento da denominação no nosso país, os nossos obreiros na região tem característica de desbravadores, não medem esforços e vão as regiões mais longínquas para levar as boas novas as pessoas que necessitam”.

2017-07-12T16:14:32+00:00